05/11/2019

Fazenda em Jaboatão dos Guararapes realiza festa

A Fazenda da Esperança Padre Antônio Henrique Pereira, em Jaboatão dos Guararapes, Pernambuco, viveu um dia de festa neste domingo (03/11), quando realizou com teatro, lanche, bingo e celebração eucarística a Festa de São Francisco.

Fazenda em Jaboatão dos Guararapes realiza festa

 Acolhidos e familiares participaram das atividades do dia, junto a centenas de fiéis que vieram de diversas paróquias da Arquidiocese de Olinda e Recife.

“Ficamos felizes com a chegada de tantas pessoas que aceitaram o convite para partilharem essa festa tão importante para nós”, disse o seminarista Edson André Ramos, que é o coordenador da Fazenda. André explica que a santidade de Francisco de Assis é exemplo para os acolhidos: jovem nascido em família rica, em sua conversão abandonou bens materiais e descobriu a verdadeira felicidade em servir ao próximo. “Francisco mostra aos irmãos dependentes químicos que viver o Evangelho é o caminho para ser eternamente feliz – e não as drogas que dão prazer temporário e, muitas vezes, promovem o afastamento da família e a inserção no crime”, disse o coordenador.

O arcebispo de Olinda e Recife, dom Fernando Saburido, foi à Fazenda, conversou com acolhidos e missionários e prestigiou uma encenação sobre a vida de São Francisco, apresentada pelos próprios acolhidos na Fazenda. Em testemunho emocionante, o professor Cláudio Monteiro, da Universidade de Pernambuco, disse confiar plenamente no Carisma da Esperança. “Eu fui acolhido em uma unidade da Fazenda, recuperei minha dignidade, voltei à minha profissão, e há dez anos sou colaborador da Fazenda com muita alegria”, contou o professor. E completou seu testemunho com uma frase que foi bastante aplaudida: “Esperança tem nome: Deus entre nós”.

O jovem José Adrian, de 18 anos, contou uma dura história de vida, onde as drogas e a violência foram constantes. Depois de ser atingido por disparos de arma de fogo em duas ocasiões, ele decidiu fazer tratamento na Fazenda da Esperança Padre Antônio Henrique. “Eu entrei aqui em janeiro e já posso dizer que sou feliz por servir ao irmão no dia a dia, por trabalhar aqui, por conhecer e partilhar a Palavra de Deus”, disse o jovem.

Dom Fernando presidiu celebração eucarística após os depoimentos. Não escondeu a alegria em estar entre amigos na Fazenda e pediu que, ao se referirem à Fazenda da Esperança localizada em Jaboatão, usassem o nome “Fazenda da Esperança Padre Antônio Henrique Pereira”. Segundo o arcebispo, o nome não foi dado por acaso, mas para homenagear o jovem padre que foi assassinado há 50 anos. “Padre Henrique foi uma pessoa muito importante para nossa Arquidiocese, lutou muito pela juventude na época de Dom Helder e morreu servindo aos mais necessitados”, disse.

Após a celebração, foi inaugurada a terceira casa do projeto, que vai receber mais 18 jovens para tratamento. Para concluir o projeto da Fazenda, no entanto, falta construir a capela na entrada do terreno. “Temos recursos para o início da obra, mas aguardamos ajuda de empresários para concluí-la, confiando na providência divina para que tudo dê certo”, comentou o coordenador André Ramos. “A Fazenda é uma realidade nascida do sonho de dom Fernando e hoje muitas famílias puderam também voltar a sonhar porque receberam de volta seus filhos e seus maridos para a convivência saudável no lar”, completou.

Fonte: Fotos e texto: Pascom Arquidiocese de Olinda e Recife

Facebook Fazenda Esperança Twitter Fazenda Esperança Instagram Fazenda Esperança Redes Sociais

Rogai por nós! Nossa Senhora Aparecida #FazendadaEsperanca #SantodoDia

Uma publicação compartilhada por Fazenda da Esperança (@fazendaesperanca) em